Fiability Study of Diabetes Empowerment Scale: Short Version

Authors

  • Marcelo Aveiro Faculdade de Medicina. Universidade de Coimbra. Coimbra. Portugal.
  • Luiz Miguel Santiago Unidade de Saúde Familiar Topázio. Agrupamento de Centros de Saúde do Baixo Mondego. Coimbra. Portugal. Faculdade de Ciências da Saúde. Universidade da Beira Interior. Covilhã. Portugal.
  • Pedro Lopes Ferreira Faculdade de Economia. Universidade de Coimbra. Coimbra. Portugal.
  • José Augusto Simões Unidade de Saúde Familiar Marquês de Marialva. ADES Baixo Mondego. Cantanhede. Portugal.

DOI:

https://doi.org/10.20344/amp.5679

Keywords:

Diabetes Mellitus, Type 2, Power (Psychology), Questionnaires.

Abstract

Purpose: To compare the final score of the scale to the levels of HbA1c.
Material and Methods: Cross-sectional observational study by applying the Diabetes Empowerment Scale - Short Form to diabetics at three primary care units in the central region of Portugal. The test-retest (in writing first and, five minutes later, orally) was performed to access Cronbach‘s alpha in 20 patients not studied in the next phase. Then, the scale was applied to diabetic patients after nursing consultation and prior to entering the medical consultation. Descriptive and inferential statistics after checking for the normality of the data were performed.
Results: In the first phase Cronbach’s alpha was 0.90 to 1.00 in all of eight scale items. The average result obtained in the written phase was 3.78 ± 0.71 and in the oral 3.79 ± 0.64, p = 0.629. The sample of the second stage was of 81 diabetic patients, 55.6% male. Sample’s mean age was 68.5 ± 1.1 years, mean HbA1c of 6.8 ± 0.2 and mean time from diagnosis of 9.2 ± 0.9 years. The average final score of the scale was 4.1 ± 0.8. There was significant correlation between the final score and HbA1c levels (ρ = -0.114; p = 0.312).
Conclusion: The Portuguese version of the Diabetes Empowerment Scale – Short Form proved to be a reliable scale to measure empowerment in diabetic patients in Portugal. It was evident the presence of a statistically significant correlation between the results obtained at the end of the scale and HbA1c.

Downloads

Download data is not yet available.

Author Biographies

Luiz Miguel Santiago, Unidade de Saúde Familiar Topázio. Agrupamento de Centros de Saúde do Baixo Mondego. Coimbra. Portugal. Faculdade de Ciências da Saúde. Universidade da Beira Interior. Covilhã. Portugal.

Luiz Miguel de Mendonça Soares Santiago é médico, Consultor com o Grau de Assistente Graduado Sénior da Carreira de Medicina Geral e Familiar.

 

Licenciado em Medicina pela Universidade de Coimbra em 1979, é Mestre em Saúde Pública pela mesma Universidade de Coimbra desde 2006, com a Classificação de Muito Bom e Doutorado, pela Universidade de Coimbra, na Especialidade de Sociologia Médica, ramo de Medicina Preventiva e Comunitária em 2009, por unanimidade com distinção e louvor, sendo actualmente Professor Associado da Universidade da Beira Interior, sendo responsável pelo terceiro ciclo em Medicina Geral e Familiar, cursos de pós-graduação e pelas cadeiras de Medicina Geral e Familiar, ao longo de todo o Mestrado Integrado em Medicina da Faculdade de Ciências das Saúde.

 

Foi membro da Direcção do Colégio de Especialidade de Medicina Geral e Familiar entre 2002 e 2009 e membro permanente da Delegação Portuguesa à UEMO (Union Eupéenne dés Médicins Omnipractitiens) de 2005 a 2011.

 

É orientador no Internato Complementar de Medicina Geral e Familiar desde 2006.

 

Secretário da Associação dos Docentes em Medicina Geral e Familiar (ADSO) no triénio 2007-2010 é Vice-Presidente da Mesa da Assembleia Geral no de 2010-2012. Em 2013 é nomeado Editor da Revista Científica da ADSO.

 

Desde 2004 é membro da Academia Europeia de Professores em Medicina Geral e Familiar (EURACT) pela qual é formador em Portugal e no estrangeiro quer no Curso “Leonardo” quer no Curso “Assessment”, sendo considerado orientador de Cursos de Excelência, no qual orientou já um médica portuguesa.

 

Orientador de Teses de Mestrado Integrado (14) e de Mestrado Tradicional (3) e de Doutoramento,  na Universidade de Coimbra (2) e na Universidade da Beira Interior (4). Tem regularmente sido convidado para arguir em Mestrados e Doutoramentos nomeadamente  em Teses de Mestrado na Faculdade de Economia (1) e da Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra (3) bem como de Doutoramento na Universidade do Algarve.

 

Foi Director do Observatório dos Medicamentos e Produtos de Saúde do Instituto Nacional da Farmácia e do Medicamento, bem como Coordenador da Sub-Região de Saúde de Coimbra.

 

Membro desde 2012 da Comissão de Ética da ARS do Centro onde foi eleito Vice-Presidente é também, desde Setembro de 2013, membro da Comissão de Farmácia e Terapêutica da ARS do Centro IP pelo Despacho 10853/2013 publicado em DR 2ª série – Nº161 – 22 de Agosto de 2013.

 

Tem bibliografia publicada individualmente e em co-autoria em revista ncionais e internacionais com “peer-review” e indexadas, assim como apresentações e palestras em Congressos Médicos. É revisor-par para revistas médicas portuguesas e estrangeiras.

Pedro Lopes Ferreira, Faculdade de Economia. Universidade de Coimbra. Coimbra. Portugal.

Agregação pela Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra, no III Grupo - Economia Matemática e Modelos Econométricos.

Autor de vasta bibliografia em artigos e capítulos de livros.

É, entre outor, Coordenador do Observatório Português dos Sistemas de Saúde, do Repositório de Instrumentos de Medição e Avaliação em Saúde e do Mestardo em Gestão e Economia daSaúde na FEUC.

José Augusto Simões, Unidade de Saúde Familiar Marquês de Marialva. ADES Baixo Mondego. Cantanhede. Portugal.

Assistente Graduado de MGF.

MD em bio-ética pela Universidade de Aveiro.

Published

2015-03-30

How to Cite

1.
Aveiro M, Santiago LM, Lopes Ferreira P, Simões JA. Fiability Study of Diabetes Empowerment Scale: Short Version. Acta Med Port [Internet]. 2015 Mar. 30 [cited 2024 Jun. 24];28(2):177-81. Available from: https://actamedicaportuguesa.com/revista/index.php/amp/article/view/5679